Por isso não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. Efésios 5.17

Esse versículo nos desafia a olharmos em nossa volta e analisarmos como termos vivido nas circunstâncias que temos enfrentado, sejam elas boas ou ruins. É possível passar por vários momentos e não aprendermos e amadurecermos absolutamente nada. Prevendo isso, o Espírito Santo ao inspirar Paulo, nos alerta em nossos dias. Não sejam insensatos, mas procurem entender qual é a vontade do Senhor. Diante disso quero compartilhar 3 princípios que julgo ser um bom discernimento para o nosso tempo que não é dos melhores. Vamos la!

1) Em tempos como os nossos vá para o caminho da oração

Na oração podemos lamentar a realidade do mundo e expor a Deus nossos reais sentimentos.

• “Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar…” (Is. 59:1a).

• “O fim de todas as coisas está próximo. Portanto, sejam criteriosos e sóbrios; dediquem-se à oração”. (1 Pedro 4:7)

• “Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus”. (Filipenses 4:6,7)

2) Em tempos como os nossos vá para o caminho do viver pela fé.

• Sabemos que vivemos pela fé. Mas viver pela fé não deve ficar somente no campo do conhecimento e do discursão sobre a justificação pela fé. A fé também é prática, ela é para a atualidade e garante uma resposta positiva do crente em qualquer tempo que esteja plantado.

“Descansa no Senhor, e espera nele; não te indignes por causa daquele que prospera em seu caminho, por causa do homem que executa astutos intentos”. (salmos 37:7)

3) Em tempos como nossos vá para o caminho da bem-aventurança.

A verdadeira felicidade, contentamento e satisfação é contrário ao que é prometido pelo mundo. Feliz são os que vivem segundo o que foi pregado por Jesus Cristo, no seu sermão do monte.

Os que reconhecem que são podres espiritualmente e reconhecem que nada foge do governo de Deus. E ainda lamenta por isso mundo caído, lida com os sofrimentos com mansidão como seu Senhor Jesus e sabem com toda convocação que existe algo melhor por isso tem fome e sede.

“Bem-aventurados os pobres em espírito, pois deles é o Reino dos céus. Bem-aventurados os que choram, pois serão consolados. Bem-aventurados os mansos, pois eles receberão a terra por herança. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, pois serão satisfeitos. Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça, pois deles é o Reino dos céus. Mateus 5:3-1

Por isso caro leitor, você tem dois caminhos que podem ser trilhados por você. Sim por você, que é estudado ou não, que tem dinheiro ou não, não importa. O que importa e que somos alertados é “… não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor.

Pr. Pedro Sete

Pin It on Pinterest

Share This