“Considero que os sofrimentos do presente não se podem comparar com a glória que será revelada em nós”.
Rm 8:18

A certeza que podemos ter é que nenhum sofrimento nesse mundo pode se comparar com a glória eterna, que será revelada nos filhos de Deus. Nem epidemias, nem dores diversas, nem a morte.

Mesmo assim, é comum, diante de momentos difíceis, pensarmos que o sofrimento é tudo. É comum perdermos o ânimo, ficarmos desesperançosos ou desanimados. Nossa natureza é complexa e frágil.

Entretanto, devemos fixar nossos olhos no porvir, na alegria eterna em Cristo. Nele, toda angústia desse mundo terá fim. Nele, toda espera encontra sua resposta. Nele, todas as promessas de Deus têm o seu Amém.

Por isso, nos dobramos diante dele, hoje, em oração e dependência. Por meio da consolação em Cristo, temos, agora, vislumbres da glória. Ele traz paz e repouso ao nosso coração.

Não deixe de orar nesses tempos de tribulação. Confie no Senhor, busque sua face. Separe tempo para estar em sua doce presença. O refúgio do altíssimo é perfeito, nada se compara. Suas promessas são seguras. Sua Palavra não volta atrás.

Nele, e só nele, temos o nosso amanhã. INCOMPARÁVEL.

Pr. Fillipe Cotta

Pin It on Pinterest

Share This